Arquivos do Blog

Russos? Javier Bardem? Carte Blanche? E agora sr. Bond?

Carte Blanche Jeffery Deaver James Bond novel Carte Blanche, the Pure Bond New Book Launched in London in Bond Style

Dois novos rumores surgiram hoje sobre a produção do próximo capítulo na franquia de James Bond. Pela manhã sites russos noticiaram que Javier Bardem já estaria contratado para interpretar um vilão em Bond 23. Durante meses Bardem foi ligado às adaptações do best seller de Stephen King, A Torre Negra para o cinema e para a televisão mas como o estúdio responsável resolveu manter o projeto na geladeira, Bardem que ainda continua ligado a produção ganhou um tempo livre em sua agenda o que talvez o tenha permitido aceitar o papel como antagonista de Daniel Craig, porém nada oficial foi dito ainda.

A outra notícia é que o filme já achou o seu título, e surpresa! O nome da próxima aventura de James Bond pode ser Carte Blanche! O título é o mesmo do novo romance do espião lançado esse ano pelas mãos do escritor  americano Jeffery Deaver. No romance, uma versão atualizada de James Bond tem de viajar para os Emirado Árabes e impedir um incidente internacional elaborado por um rico empresário. O livro ainda sem tradução no Brasil é no mínimo excelente tamanha originalidade empregada em sua concepção.

Mas deixando as obras literárias de lado, quem divulgou o título do filme foi a violoncelista sérvia Jelena Mihailovic, contratada pela produção para integrar a trilha sonora do filme depois de se apresentar no Festival de Cannes. A artista em entrevista ao site russo Blic Online deixou escapar a novidade, porém nada foi divulgado oficialmente, portanto fique com o pés atrás com as duas notícias.

Anúncios

James Bond vai para a Índia

Com a pré-produção do próximo filme de James Bond em andamento uma novidade acabou de surgir. A cena de ação que aconteceria na linha férrea de Sabarmati se confirmou assim como uma nova sequencia de perseguição de carros que acontecerá ao nordeste da província de Gujurat nas ruas de Ahmedabad.

Gujurat deixou para trás as locações rivais de Goa e Mumbai ao ser escolhida pela produção do até agora chamado Bond 23. O diretor Sam Mendes junto do núcleo de produção do filme visitaram Gujurat a cerca de dois meses. Ao lado de Mendes deviam estar os produtores Michael G. Wilson e Bárbara Broccolli além do cenógrafo Roger Deakins e a figurinista Jeny Temime, porém isso é apenas um palpite.

Pravesh Sahni integrante da India Take One Productions, que está cuidando da logística para a EON Productions falou ao jornal Times of India: “Nós preferimos Ahmedabad a Goa e Mumbai para a sequencia da perseguição de carro porque as ruas são mais aptas e porque o governo de Gujurat em nosso primeiro encontro prometeu apoio total.” A respeito da cena envolvendo a linha férrea Pravesh disse: “Para termos permissão de filmarmos uma sequencia de ação em um trem de Sabarmati nós nos encontraremos com o ministro da união dos transportes ferroviários nessa segunda-feira.”

Essa será a segunda aventura de James Bond a passar pela índia. A primeira vez do agente no país foi em 1983 no filme 007 contra Octopussy quando o espião ainda era encarnado por Roger Moore.